• Trending Now!
    Representantes do CRCRO participam da cerimônia de posse dos Conselheiros e do novo Conselho Diretor do CFC CRC promove curso para auxiliar Profissionais na Conversão da DIRF para EFD REINF Anuidade 2024: pague durante o mês de fevereiro e aproveite os descontos CFC prorroga o prazo para a prestação de contas do PEPC de profissionais e de capacitadoras Simples Nacional: CFC solicita prorrogação de prazo de regularização Indisponibilidade de Sistemas: CFC realiza manutenção programada Prestação de Contas, fique atento ao prazo final! Prestação de Contas, fique atento ao prazo final! 2º FÓRUM JOVENS LIDERANÇAS CONTÁBEIS DE RONDONIA NOS DIAS 23, 24 DE SETEMBRO.
          Transparência e Prestação de Contas

CRCRO alerta para o encerramento do prazo da Declaração do Imposto de Renda

Os contribuintes de todo o país têm apenas cinco dias para realizar a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) referente ao ano-calendário de 2022. O Conselho Regional de Contabilidade de Rondônia (CRCRO) alerta para o prazo, que foi estendido para o dia 31 de maio, e está chegando ao fim. É importante que os cidadãos fiquem atentos às informações entregue ao Fisco, para garantir tranquilidade à população, o CRCRO orienta que busquem o auxílio de um profissional da contabilidade.

Segundo o presidente do Conselho Regional de Contabilidade, José Claudio Ferreira Gomes, o profissional da contabilidade desempenha um papel fundamental para garantir uma prestação de contas correta aos órgãos fiscais. “Por isso é necessário contratar quem tenha conhecimento especializado em leis tributárias e regulamentos do IRPF, pois é essa pessoa que vai oferecer orientação adequada após analisar cada situação e em caso de fiscalização ou questionamento por parte da Receita Federal ele pode representar o contribuinte”.

Qual é o prazo?

A declaração de 2023 poderá ser enviada até o dia 31 de maio. Se a declaração for enviada após 31 de maio, poderá ser cobrada multa pelo atraso.

Quem precisa declarar?

  • Aqueles que receberam rendimentos tributáveis acima de R$28.559,70 em 2022.
  • Os que ganharam mais de R$ 40 mil em rendimentos isentos, não tributáveis ou retidos na fonte.
  • Pessoas que tiveram ganho de capital na venda de bens ou direito.
  • Aqueles que realizaram operações na Bolsa de Valores acima de R$ 40 mil.
  • Os que tiveram mais de R$142.798,50 em atividades rurais.
  • Pessoas que são tem bens que valem mais de R$ 300 mil.
  • Aqueles que passaram a morar no Brasil em qualquer mês de 2022.
  • Quem optou pela isenção de ganho de capital auferido na venda de imóveis residenciais, seguido da aquisição de outro.

O que acontece se eu não declarar?

Se a declaração for enviada após 31 de maio, poderá ser cobrada multa pelo atraso de, no mínimo, R$165,74. O valor é aplicado para aqueles que não têm imposto a pagar. Caso o contribuinte não declare e tenha algo a pagar, a multa varia de 1% a 20% do valor devido por mês.

Além disso, a Receita Federal toma providências administrativas, com a inclusão no Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados de Órgãos e Entidades Estaduais (Cadin). A pessoa fica com o CPF irregular (pendente de regularização) e, portanto, impedido de contratar empréstimos e financiamentos, viajar para o exterior, obter cartão de crédito e o passaporte, além de cair em uma “lista” que leva a exame mais minucioso das movimentações financeiras.

Como contratar um profissional da contabilidade de confiança?

Atente-se às qualificações profissionais, como o registro ativo no Conselho Regional de Contabilidade (CRC) e a obtenção do título de profissional da contabilidade. Procure saber se ele está atuando na área contábil, peça referências se achar necessário.

Para saber se ele é registrado acesse o site do CFC https://www3.cfc.org.br/SPW/ConsultaNacionalCFC/cfc

 

Boletim de Notícias

Assine nosso boletim informativo.